Cerâmicas de indígenas que povoaram Amazônia há 1.000 anos são encontradas no Amapá

Compartir

Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Ӿ

Jornal do Brasil
Redação
06 de dezembro de 2021
Amazônia brasileira

 

Achado histórico pode ajudar a entender como eram os tipos de cerâmicas e arte de povos amazônicos antes da chegada dos europeus

Durante escavações que acontecem desde o dia 17 de novembro, arqueólogos do Instituto de Pesquisas Científicas do Amapá (Iepa) descobriram peças de cerâmica que remontam a indígenas que povoaram a Amazônia séculos antes dos colonizadores, há pelo menos 1.000 anos.

Os arqueólogos começaram a analisar o local como parte do licenciamento ambiental para que o entorno da área seja liberado para construção.

De acordo com o arqueólogo Bruno Barreto, a principal hipótese dos pesquisadores é que o local tenha sido uma aldeia indígena.

“Temos estruturas de descartes com bastante material cerâmico quebrado e conforme as escavações forem prosseguindo, vamos entender um pouco melhor do layout da aldeia, das casas e da relação disso com as estruturas de cerâmicas encontradas no entorno”, explica.

Pelo tipo de peças encontradas, Barreto projeta que os povos habitaram o local há pelo menos mil anos, já que um dos tipos de cerâmica têm datações entre a transição do ano 1000 até o período da invasão europeia no continente.

As peças descobertas seguirão para análise, entretanto, os arqueólogos destacam que essa é uma etapa mais demorada e será feita com apoio de profissionais de outros estados do país. (com agência Sputnik Brasil)

Texto original disponível em:https://www.jb.com.br/ciencia-e-tecnologia/2021/12/1034480-ceramicas-de-indigenas-que-povoaram-amazonia-ha-1-000-anos-sao-encontradas-no-amapa.html

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos requeridos están marcados *

Publicar comentario